Portal do Beneficiário Área do Credenciado

10/02/2023 15:07

Benefício Farmácia: alertamos sobre escassez do remédio Ozempic no mercado brasileiro

Informamos que o medicamento Ozempic (semaglutida), na apresentação de 1mg, está em escassez no mercado brasileiro devido à alta demanda. A informação é da fabricante, a Novo Nordisk, que prevê disponibilidade intermitente no primeiro semestre de 2024.

Esse cenário já está impactando no delivery do nosso programa. Caso nossos beneficiários não consigam adquirir o medicamento, seja por meio do delivery ou comprando nas farmácias para posterior reembolso, orientamos que consultem seus médicos sobre alternativas para o tratamento.

Posicionamentos do fabricante

Dezembro de 2023: "Como fornecedora responsável e sempre preocupada com a saúde e segurança de seus pacientes, a Novo Nordisk comunica que a apresentação de Ozempic® 0,25m e 0,5mg está com a disponibilização normalizada no mercado brasileiro desde 28 de setembro de 2023. A apresentação de Ozempic® 1mg seguirá com disponibilidade intermitente durante o primeiro semestre de 2024 devido à demanda maior que a prevista. Importante ressaltar que não há problemas de qualidade ou regulatórios com nenhuma das apresentações do produto."

Junho de 2023: "Como fornecedora responsável e sempre preocupada com a saúde e segurança de seus pacientes, a Novo Nordisk comunica que todas as apresentações de Ozempic® (0,25mg, 0,5mg e 1mg) no Brasil enfrentarão disponibilidade intermitente durante 2023 devido à demanda maior que a prevista. Importante ressaltar que não há problemas de qualidade ou regulatórios com nenhuma das apresentações de Ozempic®. A empresa notificou a autoridade sanitária brasileira sobre as restrições de fornecimento do produto conforme estabelecido nas legislações vigentes. Ao longo deste ano, pessoas com diabetes tipo 2 que fazem tratamento com Ozempic® e que não encontrem o medicamento, têm a opção de migrar para outras opções de análogos de GLP-1 disponíveis no mercado brasileiro. A troca deve sempre ser feita em consulta com um médico devidamente habilitado e sob sua estrita supervisão. A Novo Nordisk vem trabalhando intensamente para aumentar a produção anual de Ozempic®. Somente em 2022 e 2023, foram investidos DKK 37 bilhões (cerca de US$ 5,3 bilhões) em expansão de capacidade produtiva em todo o mundo. Entendemos e lamentamos a preocupação e possíveis transtornos que esta indisponibilidade temporária pode causar a pacientes com diabetes 2, seus familiares e cuidadores. Encaramos a situação de forma extremamente séria e estamos trabalhando incansavelmente para superarmos esse desafio temporário."

Fevereiro de 2023: "A Novo Nordisk tomou conhecimento de uma potencial falta da apresentação 1mg de Ozempic® FlexTouch® no Brasil durante o primeiro trimestre de 2023, resultado de uma demanda muito maior do que a prevista. Cabe ressaltar que não há problemas de qualidade ou regulatórios com o medicamento. A empresa notificou a autoridade sanitária brasileira sobre as restrições de fornecimento do produto conforme estabelecido nas legislações vigentes. Durante esse período, os pacientes com diabetes tipo 2 afetados têm a opção de mudar o tratamento para outros medicamentos da mesma classe (análogos de GLP-1). Para isso, eles devem consultar o seu médico e seguir estritamente as suas orientações. O reabastecimento de distribuidores, atacadistas e farmácias no país deve ser normalizado durante o segundo trimestre de 2023. A Novo Nordisk está investindo intensa e continuamente para resolver a situação e aumentar significativamente a produção anual de Ozempic®. Entendemos e lamentamos a preocupação e possíveis transtornos que essa indisponibilidade temporária poderá causar em pacientes com diabetes 2, seus familiares e cuidadores. Encaramos a situação de maneira extremamente séria e estamos trabalhando incansavelmente para superarmos esses desafios temporários.”

Saiu na mídia

Folha de S. Paulo - Ozempic corre risco de faltar em farmácias devido à alta procura

O Globo - Ozempic poderá faltar nas farmácias brasileiras no primeiro semestre, diz fabricante

Ver todas as notícias
Whatsapp

Inscreva-se para receber notificações!

Quer receber as últimas notícias da Saúde Petrobras?