Portal do Beneficiário

14/06/2022 08:32

Rede credenciada: vamos falar sobre Índice de Suficiência de um plano de saúde?

Você já ouviu falar em Índice de Suficiência de um plano de saúde? Provavelmente não, e deve estar se perguntando por que estamos abordando um tema aparentemente complexo, mas o motivo é simples: a transparência é um dos pilares da nossa operação e nós queremos que nossos beneficiários entendam alguns dos critérios de avaliação do nosso plano no mercado de saúde suplementar.

O Índice de Suficiência (ID) é definido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e consiste em um dos itens mais importantes para a avaliação de um plano de saúde, pois mede a proporção de credenciados por cada 1 mil beneficiários, dimensionando a relação entre as necessidades de recursos para atenção à saúde dos usuários e a capacidade de atendimento da rede. Com esse dado é possível fazer uma avaliação geral da rede contratada, sinalizando se a quantidade está ou não compatível com o número de beneficiários.

O cálculo funciona da seguinte forma: número de profissionais e estabelecimentos de saúde credenciados dividido pelo número de beneficiários, multiplicado por 1.000.

IS = (nº credenciado / nº de usuários) x 1.000

Como está o ID do nosso plano?

Agora que você já sabe o que é Índice de Suficiência, chegou a vez de falarmos sobre a avalição desse indicador no nosso plano de saúde.

A União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde (Unidas) recomenda que as operadoras de autogestão, que é o nosso caso, tenham um ID de no mínimo 50. Em 2020, registramos um ID de 63,98, e chegamos ao número de 98,63 em 2021, quando passamos a contar com a rede indireta Unimed para complementar a assistência aos nossos beneficiários

Se compararmos o desempenho do nosso plano ao de outros com mais de 100 mil vidas, percebemos que nos últimos cinco anos tivemos um resultado maior que os demais.

Veja no gráfico abaixo:

ID.png

Esses números evidenciam os nossos esforços para proporcionar uma assistência à saúde cada vez mais completa para os nossos beneficiários. Sabemos que melhorias são sempre bem-vindas e temos buscado aprimorar em todos os aspectos, mas não podemos esquecer que somos um plano de saúde com dimensões continentais e nem sempre as atualizações acontecem em tempo real. Além disso, na condição de uma autogestão, temos a missão de pensar no coletivo.

E é justamente por esse motivo que contamos com a contribuição dos nossos beneficiários para a melhor gestão da nossa rede, seja com a indicação de profissionais e avaliação dos credenciados, funcionalidades disponíveis no Busca Rede Credenciada, ou sinalizando pelos nossos canais de atendimento os profissionais que deixaram de atender o plano.

Como asseguramos a sua cobertura

Importante lembrar que, independentemente do Índice de Suficiência da nossa rede, que se mostra satisfatório, o nosso compromisso é jamais deixarmos os nossos beneficiários sem cobertura, seja pela nossa rede credenciada própria, pela Rede Indireta Unimed ou pela livre escolha, quando é possível obter reembolso de serviços realizados com profissionais ou instituições de saúde que não fazem parte da nossa rede credenciada.

Em caso de inexistência de rede própria ou indireta no município de demanda e limítrofes (que fazem divisa), nossos beneficiários ainda podem nos acionar para garantia do atendimento, isso sem contar com os serviços de telemedicina. Ou seja, de uma forma ou de outra, todos os nossos beneficiários têm o atendimento assegurado.

Saiba mais detalhes sobre as nossas modalidades de atendimento.

Ver todas as notícias
Whatsapp