Portal do Beneficiário

14/10/2021 16:57

6 tipos de alimentos para aumentar a imunidade

Sabemos que ter bons hábitos alimentares é fundamental para manter a saúde em dia. E para o Dia Mundial da Alimentação, celebrado hoje, dia 16 de outubro, nada melhor do que dar destaque aos alimentos que merecem lugar nas nossas refeições. Conheça as propriedades dos principais grupos alimentares e saiba como eles atuam no fortalecimento do sistema imunológico, a nossa principal barreira contra as doenças.

Carboidratos

icone01.pngSão a nossa principal fonte de energia. Ricos em fibras que auxiliam na digestão e em vitaminas do complexo B e E, são essenciais para a saúde do sistema nervoso, da pele, dos cabelos e do intestino. Estão nesse grupo alimentos como macarrão, arroz, trigo, linhaça e granola.

Legumes e Verduras

icone02.pngContam com vitaminas e minerais que beneficiam o nosso metabolismo de forma integral. Possuem efeitos desintoxicantes, anti-inflamatórios, diuréticos e muito mais. Entram na lista: cenoura, beterraba, brócolis, couve e beringela.

Frutas

icone_frutas.pngSão fontes de antioxidantes, substâncias que combatem os radicais livres e previnem o envelhecimento precoce e alguns tipos de câncer. São repletas de água, vitaminas e minerais que aumentam a imunidade do corpo. Alguns exemplos: laranja, maçã, banana, uva, mamão e kiwi.

Leite e derivados

icone_leite_e_derivados.pngAbundantes em cálcio, mineral indispensável para o fortalecimento dos ossos. São itens como queijos e iogurtes.

Carnes e Ovos

icone_carnes_ovos.pngSão ricos em proteínas e vitaminas, especialmente a B12 (cobalamina), nutrientes importantes para a saúde dos tecidos e ossos do corpo. Além disso, favorecem os sistemas nervoso e cardiovascular.

Legumes e Oleoaginosas

icone_leguminosas.pngExcelentes fontes de ferro, responsáveis por combater a anemia e ajusar no transporte de oxigênio pelo sangue. Inclua no prato: feijão, grão-de-bico, ervilha, lentilha e castanhas.

Uma alimentação balanceada deve conter, sempre que possível, ingredientes das seis categorias listadas acima. Então, diversifique suas refeições. Retire as comidas processadas do cardápio e adicione legumes e verduras. Substitua, por exemplo, um biscoito por frutas, castanhas ou iogurte natural. É possível conferir mais informações sobre os alimentos e como encaixá-los na sua rotina acessando o guia alimentar para a população brasileira, do Ministério da Saúde. Acesse aqui o material completo.

Alimentação em tempos de Covid-19

Com a pandemia, nos habituamos a sair menos de casa, o que trouxe mudanças significativas em nosso estilo de vida. Em muitos casos, pessoas migraram para o home office, passaram a se movimentar menos ou a não se exercitar. As idas ao mercado também se tornaram menos frequentes. Isso dificultou o acesso a alimentos saudáveis, o que favoreceu o consumo de comidas prontas e lanches com baixo teor nutricional e frequentemente alto teor calórico.

Apesar de não existir uma associação clara entre alimentação e Covid-19, a cartilha “Recomendações de Alimentação e Covid-19", do Ministério da Saúde, ressalta a importância de uma boa nutrição e da hidratação em tempos de pandemia. Veja a seguir outras dicas importantes nesse cenário:

- Na hora das compras, vale priorizar as comidas in natura e minimamente processadas.

- Dê preferência a itens da estação por sua maior disponibilidade, melhor preço e sabor.

- Compre legumes, verduras e frutas com maior durabilidade, inclusive nas formas desidratadas (secas) e/ou congeladas, já que suas propriedades nutricionais são mantidas e são de fácil armazenamento.

- Evite os produtos ultraprocessados (ricos em sal, açúcar e gordura) ou com baixo valor nutritivo, como salgadinhos, biscoitos, macarrão instantâneo, refrigerantes, entre outros.

- Ao cozinhar, lembre-se de utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades. E, por último e não menos importante: beba bastante água.

E aí, gostou? Caso queira se aprofundar no assunto, clique aqui e faça o download da cartilha Recomendações de Alimentação e Covid-19.

Ver todas as notícias
Whatsapp